quarta-feira, 12 de dezembro de 2012

Não me apetece...


... manter-me focada no número. Estou cansada! 

Agora estou a sentir na pele o peso do meu nome virtual e acusar o cansaço de semana após semana não conseguir fazer-lhe justiça. Quando o que eu devia era andar sempre a dar pulos de contente pelos quase 30Kg que perdi e não a lamentar-me pelos gramas que me faltam para atingir a "perfeição" do nome.

Esta altura de final do ano, de saturação, também contribui para este estado de espírito. Saber que está aí um novo ano à porta, apesar de todos os problemas continuarem lá, não deixa de ter um saborzinho a caderno novinho a estrear.

Eu não estou cansada da dieta, ou melhor, do meu novo estilo de vida, nem tão pouco do exercício físico. 

O que eu queria mesmo era mudar o foco. Deixar de estar siderada no 68 e focar-me somente em fazer o que está certo. 

Deixar a balança de lado por uns (largos) dias e focar-me no bem estar. 

 Reprogramar a mente! Alguém me diz como isso se faz?

11 comentários:

tralhas de mulher disse...

já perdeste 30kg, é uma vitória gigante mesmo,és uma vencedora :) e de certeza que hoje estás muito melhor, muito mais saudável, com hábitos novos a nível alimentar e físico! essa é a parte mais importante...não um número na balança que idealizamos e depois nos deixa frustradas quando não atingimos. E acredita em mim, quando lá chegas...acabas sempre por sentir o mesmo e pensar que pode ser mais baixo, ou que não podes engordar... etc etc...e depois torna-se uma prisão! Tenta agora relaxar :) mantendo os mesmo hábitos mas estando menos focada no peso em si!

Beijinhos :)

Child of The 90's disse...

Como se faz? Está feito!
Se estás farta da balança, não olhas para ela uns tempos e pronto, até teres saudades!
Enquanto isso, olha mas é para o espelho e para a roupa, porque no fim de tudo, o que tu queres é gostar de olhar para ti própria (e se calhar até já gostas, mas sabes que há qualquer coisinha a melhorar) não é gostar de olhar para uns números! :)

Beijinhos

Joana disse...

Eu também acho que o que tu fizeste é louvável, afinal não é nada fácil perder 30 quilos! Não te sintas frustrada pelo que ainda não atingiste, mas sente-te orgulhosa por tudo aquilo que já alcançaste ;) Se páras nos 70 em vez dos 68 qual é o problema? Vais ficar com um corpo diferente ou melhor? É tudo uma questão de cabeça, dois quilos não fazem diferença quase nenhuma no teu corpo ;)

Eu entendo que sintas aquela vontade de chegar ao peso e sentir que é o fim, que conseguiste, que cumpriste o teu objectivo. Mas acredita que quando lá chegares não te vais sentir diferente ou melhor: vai ser a mesma coisa ;) O orgulho que sentes agora não vai mudar por causa de um número ;)

Beijinhos :)

Moça Desafinada disse...

30kg são 30kg!!!
é o peso de ti agora, com uma criança não muito pequena ao colo!!!
e a diferença que vais notar no corpo dos 69 e dos 68 não deve ser de quase nada...
és uma vitoriosa dê por onde der...
e concerteza que quando estiveres mais "livre" da pressão do nr vais perder esse kilo rapido.

Beijinhos grandes e dá pausa à dita!!!

Luciana disse...

Hello!
O tempo passa sem darmos por isso, mas (infelizmente) não é por o ano mudar que conseguimos passar uma borracha por cima dos problemas. Muda o ano, mas eles continuam lá. A questão está em saber dar a volta às situações. Foi o que tu fizeste com os 30 kg que mandaste à vida. Não é por teres 70,69 ou 68 que vais ficar uma pessoa diferente. Se olhares para trás, a mudança tem vindo a ser feita :) Deixa de te sentir presa ao numero e apega-te ao teu bem estar. Beijinhos grandes.

António Jesus Batalha disse...

Ao passar pela net encontrei o seu blog , que me chamou à atenção li a primeira postagem e folhe-ei mais lagumas, é um blog feito com muito entusiasmo, e dedicação, gostei do conteúdo e quero deixar os meus parabéns, quando encontro um blog bom deixo sempre um comentário e um convite.Ficarei grato se me der a honra da sua visita no meu blog O Peregrino E Servo. Se desejar seguir eu sempre vou retribuir seguindo seu blog também.
Sou António Batalha, cristão evangelico. Deixo a minha benção, e a paz de Jesus.
PS.Ao seguir meu blog faça-o de forma a que eu possa encontrar o seu blog, para que possa segui também.

Corre como uma menina disse...

Olá! O importante é sentires-te bem. Será que 69kg ou 68kg tem assim tanta diferença a nível físico ou de saúde? Continua a seguir uma alimentação equilibrada e deixa a balança de lado durante uns tempos. Vais controlando como te sentes na roupa e no espelho.

Beijos

Su disse...

Para reporgramar a mente é só arranjares afirmações que correspondam ao que queres sentir afirmá-las ao longo do dia:
exemplos: "só por hoje vou-me sentir feliz com o meu peso". "só por hoje não me vou preocupar", "só por hoje vou-me orgulhar do meu corpo", "só por hoje vou-me aceitar"...
É só verbalizar ou repetir mentalmente e confiares.
beijocas linda

Sónia Santos disse...

Olá Sweet =)
Eu concordo com o que escreveste, já viste o que já conseguiste até agora?
Eu acho que mereces desfrutar deste momento e não estares só focada no 68. Lentamente e naturalmente esse numero vai aparecer.
Beijinhos

Papoila disse...

Olá Sweet. Tens toda a razão, o estarmos focadas demasiado num número (ou no peso dia a dia, como nos acontece a muitas, que não resistimos a ir à balança mais x do que seria desejável) só gera ansiedade. Tenho a certeza que se estiveres descontraida (e a ginástica da Jillian se calhar vai-te ajudar, é mm fixe), em menos de nada tás lá e nem te apercebes ;-) Aproveita tudo o que já conseguiste, pois é preciso mta força e tu tem-na aí ;-) Beijinhos

Beh ♥ disse...

Eu acho que chegando à meta é mais quilo menos quilo. Afinal não temos sempre o mesmo peso... é variável!

Dá-te como vencedora e não penses mais no número! O que interessa é que chegaste lá.

Eu espero um dia chegar aos 65, mas não têm que ser 65 certinhos! Se forem 67 ou mesmo 70 já fico muito muito contente.

Beijinho

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...