terça-feira, 1 de março de 2011

No stress...

Eu gosto de mim como sou agora... Eu sou amada... Eu sou feliz... Eu tenho a família perfeita... Todos nós temos saúde...

Só há uma nuvenzinha que de vez em quando cisma em ensombrar a minha vida... A balança. Eu sei que continuo um bocado acima do que considero ser para mim o meu peso ideal (os sweet 68), mas já me sinto bem agora...

Com isto quero dizer que vou deixar de stressar com o que a balança me diz à 6ª feira. Esse número não sou eu! É muito fácil cair na obsessão da balança e eu não quero isso para mim nunca mais...

Nem por sombras vou deixar a minha RA nem a minha AF, mas não vou deixar que ela me chateie mais. Quero controlar e não me deixar desleixar. Sabe Deus que foi por deixar de controlar e por ter medo de me pesar que cheguei aos redondos 98!!

Hoje um colega meu levou umas fotos do jantar de Natal talvez de 2001... Toda a gente concordou que a diferença em mim é abismal... eu fiquei admirada... parecia o boneco da Michelin...

Mas o curioso é que só agora me dou conta de como eu era na altura, nunca tive a imagem de mim assim tão gorda, tão desmazelada. E atenção, a foto era só de rosto!

Por isso... No Stress!! A vida é bela e quero ser feliz todos os dias... Já consegui conquistar o meu amor-próprio e para já isso basta...

14 comentários:

Baleia disse...

Parabéns pelo teu sucesso, eu sou nova e espero um dia alcançar a felicidade de me sentir novamente magra!

cat disse...

"Já consegui conquistar o meu amor-próprio e para já isso basta..."....mto bem dito! parabéns

Até que enfim lev... disse...

Acho q é uma boa ideia! =)

Alex disse...

Muito mais do que os numeros que a balança nos mostra, é o equilibrio que sentimos. Na nossa maneira de estar e de sentir. Se a auto-estima e amor proprio voltou... conseguiste alcançar o teu grande objectivo e agora com mais saude ainda!

beijinhos e muitos parabens por esta nova fase que será certamente ainda muito mais feliz, e porquê? Porque agora sim... te sentes verdadeiramente FELIZ!!
Sê feliz a cada minuto que passa. :)

Lilith disse...

o amor-próprio é a verdadeira base para conseguirmos cuidar de nós e do nosso corpo da forma correcta e tu estás no caminho certo :)
obrigada pelas palavras de carinho :)
quem irá organizar o encontro será a boneca de porcelana: http://monologos-de-uma-chocodependente.blogspot.com/ mas ainda não há datas, têm havido conversas de facebook e tal :) acho que a ideia vai em frente, espero que possas ir!

beijos :)

Jóh disse...

sim tens de adorar é estar saudável não são os números da balança que importam... ;)

Borboleta Azul disse...

é esse o espírito...
controlar o peso mas não deixar o peso controlar a tua vida
beijos

Só comigo disse...

Muito bem. Temos de sentir-nos bem interiormente para que consigamos atingir as nossas metas. Beijinhos

Terence disse...

Já te tinha dito k estás optima, agora é só manter o peso. e para isso tou cá eu e a nossa nininha para te ajudar-mos. Agora bora lá ser feliz e gozar a vida. AMO-TE MUITO para sempre

Terence disse...

kero tbm k todos os k acompanham este blog saibam k a sininho é acima de tudo uma vencedora a todos os niveis. k lutou e conseguiu perder o peso, k é uma esposa excelente, e uma Mãe k não á outra igual. Amor parabéns por tudo k és tudo k conseguiste e k vais ainda conseguir. Parabéns Sininho AMO-TE MUITO

Alexandra disse...

Bem amiga, eu já estava contente por ler o que escreveste. Agora chego aqui e como sou cusca li os comentários do teu Terence. Sim senhora, tens HOMEM. Parabéns para ele, mas não lhe digas que fica convencido:)
Adorei saber que recuperaste o amor próprio e saber que vais deixar de ter stress com a balança. Já sabes que com RA e AF não há como falhar:)
Já agora, como é que me imaginavas?? Mais bonita?? Mais simpática?? Pode não parecer, mas até sou uma gaja bué de fixe:)
Abraços grandes... Sinto falta de ti no Face:)

mónica disse...

é curioso a parte em que falas do teu antes/agora e a dificuldade em te sentires desleixada. Sabes que comigo acontece o mesmo a minha mãe está sempre a perguntar, mas não notas a roupa a ficar apertada, o peito maior etc etc... e eu juro que não! só dou pelo aumento de peso quando as calças deixam de servir ou seja quando dou pelo estrago já é um pouco tarde porque depois a etapa a percorrer é bem maior, mas também me aconteceu o oposto no ano passado cheguei aos 56 kg estava óptima e sentia-me e via-me gorda! principalmente de biquíni, parece que nunca conseguimos ter a real percepção do nosso corpo.

Bjs

Ivânia Santos (Diamond) disse...

Excelente post!
Assim é que se pensa ;)

xoxo*

Joana disse...

Os meus parabéns :) O amor-próprio é o mais importante. É fantástico que te sintas bem e equilibrada, agarra-te a isso! Beijinhos :)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...