sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Poupança na comilança...


Desde que me lembro, sempre trouxe almoço para o emprego. Não gosto de comer em restaurantes e os pratos do dia por norma são carregados de gorduras. Já para não falar no facto de não poder controlar tão bem o que meto à boca... destravada como sou, era bem capaz de comer batatas fritas todos os dias.

Mas não pensem que como no escritório e fico lá a pasmar o dia todo, não senhora... Pego no meu termos ou no meu tupperware e lá vou eu arejar. O mais engraçado é que cada vez vejo mais pessoas a comer dentro do carro a ler uma revistinha aqui como a menina.

No meu caso, é mesmo para me alimentar com melhor qualidade e mais controlo, mas acredito que em muitos casos esta seja uma consequência da crise.

Basta-me fazer uma panelona de sopa para a semana e ter sempre fruta em casa para estar meio almoço feito. Junto algum resto de alguma coisa que tenha sobrado do jantar ou um pescaburguer, um hamburguer de frango ou um wrap e já está.

Há um único senão: cair na monotonia. Eu tenho tendência para me acomodar e cair na rotina e passar vários dias a comer a mesma coisa e isso é mau.

Portanto, a partir da próxima semana vou tentar fazer um almoço de sopa+proteína+fruta e outro de salada+fruta. Dá um pouco mais de trabalho, mas tem mesmo de ser.

Esta menina tem uma ideias fantásticas para Bentos. Vão lá espreitar.

4 comentários:

Smiley disse...

Felizmente no meu emprego temos cozinha e micro ondas, por isso a maior parte das vezes tb trago comida. É uma forma de nos alimentar bem :)

cell disse...

eu tenho a sorte de ir a um restaurantezinho pequenino, bem velhinho, onde a confecção é muito caseirinha, a companhia muito agradável...e o preço ainda é muito razoável...enquanto for assim..Porque se não fosse, podes crer que ia fazer tal e qual como tu!

Paula disse...

Também costumo comer no trabalho. Poupa-se e a comida é bem mais saudável!

Só comigo disse...

Com essa dos Bentos é que me lixaste, já tinha visto mas não me lembrava do nome. Eu não tenho paciência para isso de comer no carro, confesso. Já trabalhei numa empresa com copa e micro ondas, e aí levava a marmita. Quando voltar à vida do bules, só preciso de comer fora duas vezes por semana e vou aos restaurantes da zona, optando por coisas menos más.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...